Terça-feira, 29 de Setembro de 2020
Em 14 de janeiro de 2013 às 19:43

Descubra o que fazem hoje os primeiros campeões mundiais pelo Corinthians

Dida, Índio, Kléber, Rincón e Fernando Baiano ainda estão na ativa, assim como os técnicos Ricardinho e Oswaldo de Oliveira

da Redação -

São Paulo - O bando de loucos ainda comemora o título mundial conquistado no Japão em 2012, mas nesta segunda-feira também poderá vibrar com o feito de 2000, no Rio de Janeiro. Neste 14 de janeiro, o Corinthians festeja 13 anos da conquista do seu primeiro título no Mundial de Clubes da FIFA.

A chamada Segunda Invasão Corinthiana contou com a presença maciça dos torcedores no Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, onde o clube paulista empatou sem gols com o Vasco no tempo normal e na prorrogação e só foi soltar o grito entalado na garganta após o triunfo, por 4 a 3, nos pênaltis.

Apesar de já ter se passado mais de uma década, Dida, Índio, Kléber, Rincón e Fernando Baiano ainda estão na ativa. Sem falar que Ricardinho virou técnico e Oswaldo Oliveira segue com seu jeito calmo no banco de reservas. Nesta segunda, o site Sr. Goool revelará o que cada um dos titulares, assim como os três reservas que entraram em campo naquele 14 de janeiro de 2000, fazem atualmente.

Penapolense vai estrear no Paulistão, enquanto Sorocaba e Barbarense voltarão após longo jejum

Mogi Mirim e Oeste também merecem destaque após os acessos nas Séries D e C do Brasileirão, respectivamente

Leia a notícia completa
O elenco campeão mundial ainda tinha os goleiros Maurício e Yamada, os laterais Daniel e Augusto, os zagueiro João Carlos e Márcio Costa, os meias Marcos Senna e Luís Mário, além do atacante Dinei.

Confira a atual situação dos campeões mundiais em 2000:

Goleiro: Dida - O sucesso em 2000, levou Dida para o exterior. Depois de deixar o Milan, o especialista em pegar pênaltis defendeu a Portuguesa no Campeonato Brasileiro 2012. Ele foi tão bem que chamou a atenção da diretoria do Grêmio e foi contratado para a temporada 2013. Em 2000, Dida pegou pênaltis contra o Real Madrid, na primeira fase, e contra o Vasco, na final.

Lateral-direito: Índio - Jogador mediano, mas que foi titular em 2000, Índio pouco apareceu após sua passagem vitoriosa pelo Corinthians. Mesmo assim ele segue na ativa. Em 2013, o lateral disputará a Série A2 do Campeonato Paulista pelo Grêmio Osasco.

Zagueiro: Adilson - O zagueiro Adilson ganhou o sobrenome Batista quando pendurou as chuteiras. Na nova profissão, ele ainda não se firmou. Adilson Batista chegou a treinar São Paulo, Santos e o próprio Corinthians, mas não deixou saudade. Agora, ele está a frente do Figueirense.

Zagueiro: Fábio Luciano - Chegou da Ponte Preta e até marcou um gol mandrake na primeira fase do Mundial de Clubes, quando a bola não entrou no gol. Depois de defender o Corinthians, ele passou pelo Flamengo, clube que cogita contratá-lo com diretor de futebol. Fábio Luciano ainda trabalhou como agente de atletas, mas abandou a função. Atualmente, ele está parado.

Lateral-esquerdo: Kléber - Formado nas categorias de base do Corinthians, Kléber viveu ótimos momentos no clube. Mas perdeu o apoio da torcida quando defendeu o rival Santos. Hoje, Kléber ainda joga um futebol de alto nível e defende as cores do Internacional.

Volante: Vampeta - Recentemente, o ex-jogador, ao lado do jornalista Celso Unzelte, lançou o livro "Vampeta - memórias do velho Vamp". Ele soube aproveitar o sucesso e ainda manteve o jeito brincalhão e provocativo da época de futebol. Um dos principais jogadores em 2000, Vampeta chegou a ser pentacampeão mundial, em 2002, com a Seleção Brasileira. Hoje, ele comanda o Grêmio Osasco.

Volante: Rincón - Outro jogador que deixou saudade nos corinthianos. Rincón foi um dos batedores de pênalti na final do Mundial. Após pendurar as chuteiras, chegou a "namorar" a política, mas tomou uma decisão inusitada. Aos 46 anos, ele resolveu voltar a jogar. O volante defenderá as cores de seu time de coração, o América de Cali, que em 2013 irá disputar, pela primeira vez em sua história, a segunda divisão do futebol colombiano.

 Ricardinho era o termômetro do meio-campo corinthiano
Meia: Ricardinho - O meia foi outro campeão mundial pelo Corinthians que também ganhou o mundo com a Seleção Brasileira em 2002. Após pendurar as chuteiras, Ricardinho se transformou em técnico. Ele passou pelo Paraná e, hoje, defende o Ceará.

Meia: Marcelinho Carioca - Único jogador do Corinthians a errar sua cobrança de pênalti na decisão do Mundial, Marcelinho Carioca é idolatrado até hoje pela Fiel. Após encerrar a carreira, ele fez faculdade de jornalismo e até exerceu a profissão. Depois, o pé-de-anjo tentou a política, mas naufragou. Hoje, o ex-camisa 7 segue o filho nas categorias de base do Santo André.

Atacante: Edilson - O capetinha foi o maior destaque do Corinthians no Mundial de Clubes. O atacante fez um golaço no empate, por 2 a 2, com o Real Madrid. Hoje, além de brincar com futebol de várzea, ele tem uma empresa de produção de eventos em Salvador.

Atacante: Luizão - Goleador nato, Luizão fez muito sucesso dentro de campo. Em todos os clubes que passou, deixou saudade. Agora, além de ver a mulher em um programa de TV, virou empresário de atletas.

Técnico: Oswaldo de Oliveira - Calmo nas entrevistas e até a beira do gramado, Oswaldo de Oliveira se emocionou com o título e com a Fiel no Maracanã. Até hoje ele está no coração dos corinthianos. Técnico do Botafogo, Oswaldo de Oliveira virou ídolo no Japão, onde passou inúmeros anos e ganhou diversos títulos.

 Em forma, ele foi um dos batedores de pênalti em 2000
Volante: Gilmar (entrou antes do início da prorrogação) - Incansável, Gilmar Fubá não consegue largar o futebol. Ele pode não jogar profissionalmente, mas sempre dá as caras na várzea. Chegou até disputar a Copa Kaiser - principal torneio de futebol amador de São Paulo -, em 2012.

Volante: Edu (entrou no intervalo) - Depois que deixou o Corinthians, Edu foi jogar na Europa. Chegou a voltar para o Brasil, mas logo pendurou as chuteiras. Hoje, ele é gerente de futebol do próprio Alvinegro de Parque São Jorge. Edu aumentou o Gaspar em seu nome.

Atacante: Fernando Baiano (entrou aos 8 minutos do 2° tempo da prorrogação) - É outro campeão mundial que não consegue deixar o futebol. Revelado pelo Corinthians e, hoje, bem acima do peso, Fernando Baiano rodou pelos gramados brasileiros. Em 2013, o atacante, aos 33 anos, irá disputar o Paulistão pelo São Bernardo.

Mais Notícias

Webboom Estratégias Digitais - Aplicativos Mobile e Desenvolvimento Web " class="twitter-share-button"> 
 
© Copyright 2013 - 2020 Sr. Goool - Todos os direitos reservados
  1. Clique no clube para selecioná-lo.
  2. Clique na coluna para ordená-la. Um clique selecionará a coluna e dois cliques redicionarão os valores do menor para o maior
  1. Agrupe e compare as estatísticas com outros campeonatos.
    Máximo de cinco competições.
  1. Escolha o dia da semana e tenha o total e a média dos clubes;
    Escolha o horário dos jogos e tenha o total e a média dos clubes;
    Clique no clube para selecioná-lo
  1. Clique na coluna para ordená-la. Um clique selecionará a coluna e dois cliques redicionarão os valores do menor para o maior
  1. Clique na coluna para ordená-la do maior para o menor
  1. Tenha informações detalhadas ao clicar nos números de Pontos Ganhos, Jogos, Vitórias, Empates, Derrotas, Gols Pró e Gols Contra;
    Tenha informações detalhadas de público, ingressos e renda ao clicar nos números totais;
  1. Clique no escudo para ir à página do clube selecionado
  1. Clique no nome do profissional para obter maiores informações
  1. Clique no jogo para ir à página do campeonato ou clique no logo do Sr. Placar para ir à página com todos os jogos do dia
  1. Clique no jogo ou na barra do campeonato para cair na página oficial da competição
  1. Escolha no select como deseja ordenar a classificação do campeonato
  1. Clique nas colunas das siglas PG, V, E, D, GP, GC, SG e %A e ordene do maior para o menor. Dois cliques, ordene do menor para o maior;
    Clique no "C" e volte para a classificação oficial.

Reprodução proibida! © 2013 - 2020 Todos os direitos reservados ao Sr. Goool! Leia mais em www.srgoool.com.br
Siga @SrGoool, Curta e Compartilhe www.facebook.com/srgoool